Sejam bem-vindos ao Mackenzie Davis, a sua fonte sobre a atriz no Brasil. Aqui você encontrará todas as novidades mais recentes sobre a Mackenzie, desde seus projetos até fotos e vídeos. Fique a vontade para desfrutar de todo o nosso conteúdo e volte sempre a nos visitar!
Arquivo da categoria: '' Arquivo por Autor
27
06

O filme ‘Irresistible‘ teve a sua estreia nos cinemas americanos e em plataformas digitais nesta sexta-feira. Mackenzie interpreta a personagem Diana Hastings e atua ao lado de grandes nomes como Steve Carell, Rose Byrne e Chris Cooper! Sendo assim, o elenco do longa realizou diversas entrevistas online para a divulgação da produção e vocês podem conferi-las reunidas abaixo:

20
06
Arquivado em: Alpha Gang , filmes , Projetos

Andrea Riseborough, Jon Hamm, Nicholas Hoult, Charlotte Gainsbourg, Mackenzie Davis, Sofia Boutella e Steven Yuen vão estrelar a comédia de ficção científica “Alpha Gang”.

O projeto está chegando ao mercado de Cannes da semana que vem, com a Protagonist Pictures lidando com as vendas internacionais e com a CAA Media Finance comprando as vendas norte-americanas. As filmagens começarão em 2021 na Europa Oriental.

Alpha Gang” se concentra em alienígenas enviados em uma missão para conquistar a Terra. Armados e perigosos, eles não mostram piedade – isto é, é claro, até pegar a doença humana da emoção. O plano deles de dominar o mundo corre risco quando começam a sentir alegria, medo, empatia e amor.

A equipe de irmãos David e Nathan Zellner (“Damsel“) dirigirá e produzirá a partir de um roteiro escrito por David Zellner. Adele Romanski e Sara Murphy, da Pastel, estarão produzindo.

Estou querendo fazer este filme há muito tempo – uma mistura de gêneros de ficção científica, ação e comédia“, disse David Zellner. “Nathan e eu não poderíamos estar mais empolgados com o elenco incrível que se juntou a nós nesse passeio selvagem.

Dave Bishop, CEO da Protagonist Pictures, disse: “‘Alpha Gang’ é um filme hilário, rápido e altamente comercial, com um elenco fenomenal de lista A e é exatamente a dose de humor que o mercado precisa no momento.

  • Fonte I Traduzido e Adaptado por: Laura I Equipe do MDBR
03
06
Arquivado em: one girl can

Na foto: Mackenzie Davis com Pauline, Sharon e Irene, três das meninas cujas bolsas ela patrocina, no Misyani Girls Secondary em Nairobi, Quênia, em 2019.

O evento beneficiente ao vivo, que incluirá uma performance de Rainsford, apoiará bolsas de estudos para mais de 500 meninas no Quênia: “A educação das meninas não deve ser tratada como de segunda categoria”.

Mackenzie Davis, conhecida por seus papéis em Halt and Catch Fire e Terminator: Dark Fate, está programada para realizar uma gala virtual de arrecadação de fundos ao vivo, intitulada Alone, Together: A No-Gala, em 04 de junho às 18:00 PST para beneficiar a One Girl Can , uma organização sem fins lucrativos que oferece bolsas de estudo e orientação para estudantes do sexo feminino no Quênia e reforma escolas em todo o país.

Até o momento, o grupo, que busca romper os ciclos de pobreza e impactar a igualdade de gênero, forneceu bolsas de estudos (que incluem alojamento e alimentação) para 865 meninas quenianas, com 550 meninas atualmente na escola. Davis diz que – porque o grupo teve que cancelar o seu evento beneficiente anual pessoalmente em abril passado devido ao surto de coronavírus – o angariador de fundos virtual é fundamental para garantir que a educação das meninas não seja interrompida.

As meninas estão fora da escola agora – todas as escolas foram fechadas no Quênia. Elas precisam voltar para a escola em setembro. Nosso pior pesadelo é que estamos envolvidos nessa crise e, em seguida, chega setembro e essas garotas com quem nos comprometemos são deixadas em seco”, diz Davis, cuja mãe, Lotte Davis, iniciou a organização em 2008. O grupo, ela diz , “investe em meninas que esperamos que mudem o mundo ou mudem sua comunidade. Estamos educando as meninas para que elas alcancem posições de poder que foram historicamente ocupadas por homens.

O levantamento de fundos incluirá entrevistas ao vivo com duas bolsistas em Nairóbi – “Vamos conversar com elas e ver como a vida mudou desde o início do bloqueio e o que elas estão pensando sobre tudo isso”, diz Davis – além de um leilão ao vivo, um silencioso leilão e uma performance ao vivo de Rainsford. Qualquer pessoa é bem-vinda para participar do evento.

Davis, protagonista da rom-com Happiest Season, ao lado de Kristen Stewart, que será lançada em novembro pela Tri-Star, esteve no Quênia pelo menos quatro vezes para apoiar o One Girl Can, visitando escolas e conhecendo alunas. Ela viajou para lá mais recentemente no ano passado, para uma viagem de dez dias que incluiu uma conferência de três dias em Nairóbi, focada no estabelecimento de metas, habilidades empreendedoras e planejamento financeiro.

Na foto: Davis falando na conferência anual One Girl Can em 2019 no Quênia.

Foi uma experiência realmente interessante“, diz Davis, que já conhecia bem o programa e patrocina pessoalmente bolsas de estudos para quatro estudantes, incluindo Pauline (que quer ser uma magnata dos negócios), Sharon (que quer ser neurocirurgiã) e Irene (que quer ser professora). “Eu senti como se estivesse andando por todo o conceito de One Girl Can e vendo como essas meninas crescem. Várias dessas garotas que eu tinha visto há dois anos e depois as visitei na escola e elas apenas floresceram. Elas se transformaram nessas personagens incrivelmente ambiciosas e gregárias, ansiosas para falar sobre tudo o que queriam fazer no mundo. Dois anos atrás, elas eram essas garotas tímidas. Era um arco visível de crescimento.

Todas as doações vão diretamente para bolsas de estudos para meninas. “Meus pais têm uma empresa de tratamento capilar e essa empresa cuida de todos os custos administrativos da execução do programa. Não há um centavo pago a um salário, apenas para a educação e para a reforma de escolas de meninas”, diz Davis, cuja mãe é originária da África do Sul. “Isso aconteceu meio que organicamente. Ela estava procurando fazer algo focado na igualdade de gênero. Ela começou a trabalhar com uma organização sediada no Quênia, focada na educação, não especificamente na educação de meninas. Trabalhando com eles, ela começou a One Girl Can.

Nos últimos meses, Davis tem se protegido em casa em Los Angeles. “Eu acho que você meio que tece entre sentimentos de uma estranha normalidade e, de repente, teme que isso não pareça normal, que você não esteja fazendo o suficiente. Estou tentando me manter bastante engajada“, diz ela, admitindo que, em meio à pandemia de coronavírus,” é difícil arrecadar fundos para coisas que não são diretamente relacionadas à saúde“.

Ela enfatiza que, “embora haja uma enorme crise, não devemos deixar o COVID-19 deixar essas meninas sem acesso à educação que lhes foi prometida. A educação das meninas não deve ser tratada como segunda camada, seja qual for a crise mais premente do dia. Devemos tratar todas essas coisas como emergências também.

  • Fonte I Traduzido e Adaptado por: Laura I Equipe do MDBR
07
05
Arquivado em: filmes , happiest season

A Sony Pictures anunciou novas datas para os seus próximos lançamentos no Brasil. A decisão estratégica tem como prioridade encontrar o melhor cenário para o variado line-up do estúdio, equilibrando os lançamentos entre 2020 e 2021, em consideração às mudanças no panorama global.

Para nós, a experiência de assistir a um filme na sala de cinema lotada é a melhor maneira de vivenciar essas histórias. Após uma cuidadosa análise do momento atual, reorganizamos as datas de lançamento mantendo algumas das nossas maiores apostas em 2020, como ‘Monster Hunter’, ‘Super Conectados’ e um projeto Sony/ Marvel. Antecipamos também a estreia de ‘Fatherhood’, estrelado por Kevin Hart, para outubro deste ano, com a confiança de que o hábito de ir ao cinema vai voltar com força total, e estaremos lá para apoiá-lo com grandes filmes”, afirma André Sala, diretor-geral da Sony Pictures Brasil e VP sênior de distribuição na América Latina.

O novo calendário de estreias do estúdio fica:

  • Monster Hunter – 3 de setembro de 2020
  • Projeto Sony/ Marvel – 1 de outubro de 2020
  • Super Conectados – 8 de outubro de 2020
  • Fatherhood – 29 de outubro de 2020
  • Escape Room 2 – 7 de janeiro de 2021
  • Happiest Season – 14 de janeiro de 2021
  • Projeto Cinderella – 4 de fevereiro de 2021
  • Peter Rabbit 2 – O Fugitivo – 11 de fevereiro de 2021
  • Ghostbusters – Mais Além – 4 de março de 2021
  • Morbius – 18 de março de 2021
  • Vivo – 15 de abril de 2021
  • Projeto Sony/ Marvel – 15 de julho de 2021
  • Uncharted – 7 de outubro de 2021
  • Sequência Sony Animation – 6 de janeiro de 2022

Fonte I Adaptado por: Laura I Equipe do MDBR

23
04
Arquivado em: eventos

Will Ferrell, Mindy Kaling, Elizabeth Banks, Ike Barinholtz, Jack Black e Tenacious D, Wayne Brady, D’Arcy Carden, Kristin Chenoweth, Mark Duplass, Gal Gadot, Patton Oswalt, Stephanie Beatriz e Adam Scott são apenas alguns dos grandes nomes que estão se unindo para ajudar os profissionais de saúde na linha de frente com um festival de comédia virtual.

O membro do conselho da Americares, Tony Goldwyn, sediará o evento beneficente de uma hora, “COVID Is No Joke“, que será transmitido ao vivo no dia 1º de maio (17h PST / 20h EST) no covidisnojoke.org e no canal da Americares no YouTube. Os recursos arrecadados serão direcionados aos esforços da Americares em responder ao COVID-19, a doença causada pelo novo coronavírus. Os espectadores serão incentivados a apoiar a Americares fazendo uma doação no site da organização ou enviando uma mensagem de texto “JOKE” para 20222 para fazer uma doação de US$25. Pelo anúncio de hoje, um doador anônimo concordou em combinar os primeiros US$100.000 em doações para a Americares durante o evento.

O evento repleto de estrelas contará com uma mistura de sketches, stand-ups e mensagens pessoais de outras estrelas, incluindo Tom Cotter, Mackenzie Davis, Kyle Gass, Linda Hamilton, Chelsea Handler, Kerri Louise, Jonathan Mangum, Natalia Reyes, Finn StraleyPaige Weldon, Jenny Yang e mais.

Não podemos estar juntos agora, mas podemos rir juntos – e ajudar os profissionais de saúde na linha de frente ao mesmo tempo“, disse Goldwyn, que está envolvido com a Americares há quase duas décadas. “É isso que a Americares faz de melhor – ajudar as pessoas em crise – e esperamos que este evento cômico aumente a conscientização e o financiamento crítico para sua resposta ao COVID-19“.

Agora, mais do que nunca, o mundo pode usar um pouco de leviandade“, disse a presidente e CEO da Americares, Christine Squires. “O humor é uma ótima maneira de diminuir o estresse, então vamos usar o poder da comédia para nos unir e apoiar nossos profissionais de saúde na linha de frente“.

Os produtores e apoiadores de longa data da Americares, Bonnie Curtis, Kristin Hahn, Linda Goldstein Knowlton, David Koplan, Julie Lynn e Marti Noxon, estão atuando como produtores executivos do evento beneficente de comédia.

A Americares, uma organização de assistência focada na saúde, está fornecendo equipamentos de proteção, treinamento e suporte para profissionais de saúde nos Estados Unidos e em todo o mundo. Em resposta à pandemia do COVID-19, a Americares forneceu suprimentos de proteção e controle de infecção para instalações nos EUA, Haiti, Honduras, Índia, Líbano, Filipinas e Tanzânia. Somente nos EUA, a Americares entregou 34 toneladas de suprimentos de proteção, incluindo luvas, máscaras, aventais e desinfetantes para unidades de saúde em 40 estados. Mais informações podem ser encontradas aqui.

  • Fonte I Traduzido e Adaptado por: Laura I Equipe do MDBR
30
01

O filme Os Órfãos estreará nos cinemas brasileiros nesta quinta-feira e o elenco do filme, incluindo Mackenzie, realizou nas últimas semanas a divulgação do longa nos Estados Unidos. Por isso, reunimos todos os vídeos da press junket realizada em um único post para que vocês possam assisti-los de maneira organizada! Confira:

30
01

O primeiro trailer de Irresistible foi divulgado recentemente pela Focus Features em seu canal oficial no Youtube! O filme terá a sua estreia nos cinemas americanos em 29 de maio deste ano e acompanha um estrategista democrata que ajuda um veterano aposentado a concorrer a prefeito em uma pequena e conservadora cidade do meio-oeste. Confira o trailer abaixo e logo em seguida as screen captures da personagem de Mackenzie:

16
11

Nem todo programa pode alcançar o amplo apelo de The Office ou Seinfeld; alguns estão destinados a atrair uma base de fãs pequena, mas leal, que não precisa da sabedoria da multidão para dizer a eles como é a televisão de qualidade. Esses chamados programas cult, no entanto, exercem grande influência sobre o meio, ultrapassando os limites do que é possível na TV.

O que exatamente faz um show “cult”? As durações curtas, o público limitado, mas dedicado, e o trabalho influente são boas qualidades, mas para os fins desta lista, excluímos muitos programas anteriormente “cult” que nos Estados Unidos causaram considerável prejuízo à consciência pública e foram ao ar por mais tempo do que um típico show cult – pense em Arquivo X, Buffy, a Caçadora de Vampiros e Battlestar Galactica. Da mesma forma, incluímos alguns programas britânicos de longa duração que ainda não encontraram um grande público americano, mas todas as séries a seguir têm uma coisa em comum: apesar do status de cult, todos – até vocês, os streamers de Friends na Netflix – devem assisti-los.

Halt and Catch Fire (2014-2017)

Cara, se você gosta de como Tom Hardy é pseudo-psicótico, ousado e impossivelmente adiantado no jogo em Taboo, você vai adorar Lee Pace em Halt and Catch Fire. A saga de época de Christopher Cantwell e Christopher C. Rogers envia o ator para o Texas nos anos 80, onde ele interpreta um visionário da tecnologia, determinado a participar da revolução dos computadores. Junto com um engenheiro de ponta (Scoot McNairy), uma prodígio (Mackenzie Davis) e o seu novo empregador – Cardiff Electric – Pace & Co. correm para clonar e ajustar o processador da IBM para criar PCs portáteis mais eficientes. Inspirada livremente pela rivalidade real da Compaq com a IBM, Halt and Catch Fire oferece relacionamentos complexos de personagens e uma atuação de primeira linha (destaque para o sempre subestimado Toby Huss). Nunca alcançou o nível de aclamação da crítica como Mad Men, mas está no mesmo nível de narrativa, que seu pequeno grupo de fãs apreciou durante o seu curto prazo. Além disso, tem boa música. – TE
Onde assistir: Netflix (EUA), Globoplay e AMC Brasil (BRA)

  • Fonte I Traduzido e Adaptado por: Laura I Equipe do MDBR




O Mackenzie Davis Brasil é um site feito de fãs para fãs e tem como objetivo principal compartilhar as notícias mais recentes sobre a atriz Mackenzie Davis. Nós não temos qualquer contato com a atriz, seus familiares e agentes. Qualquer artigo, vídeo ou imagem postado nesse site possui os direitos autorais dos seus respectivos proprietários originais, assim como todos os nossos conteúdos produzidos, editados, traduzidos e legendados devem ser creditados sempre que reproduzidos em outro site. É proíbida a cópia total ou parcial deste site assim como deste layout.